20/11/15

...

[... há tardes em que podia ser só eu, a música, os teus braços e o teu peito. só, mais nada.]