08/04/13

...

... e agora aguardo, simplesmente, por quem perceba o rumo das coisas simples. que sorria com as palavras e que multiplique o meu olhar quando me perco a observar as estrelas, o mar ou as árvores...