25/09/12

...

rachel r
... a solidão pode ser isto: a  interminável espera do teu abraço...