08/08/12

...

rae
há momentos...
... em que só o papel me arrefece o peito. e acalma o coração... afogado em saudades...
o meu corpo vê passar as horas... os pássaros... e desfaz-se... a cada dia... numa folha branca. escrevo-te.